Só o governador do Maranhão fingia que o PT não irá embarcar no seu projeto pessoal de eleição para a presidência da República em 2022. Ontem, a presidente nacional do petistas, deputada Gleisi Hoffmann, deixou claro em entrevista ao UOL que o seu partido vai apostar todas as fichas em Lula e se houver impossibilidade eles vão repetir com Fernando Haddad.

Confira o que disse a deputada federal pelo Paraná: “Não temos nenhuma discussão para 2022. Primeiro porque nós temos a figura do Lula, e apostamos muito que o Lula saia da prisão, porque é injusta e ilegal. O Lula é uma grande liderança do partido, e tendo condições de disputar, não teria dúvidas de que o PT disputaria com ele. Obviamente, se isso não acontecer, tem o nome forte no partido que é o do Fernando Haddad, que já foi nosso candidato a presidente. Não formamos candidatos e não construímos lideranças de uma hora para outra. Obviamente, ele é um dos nossos nomes para 2022, não tenho dúvidas disso. Mas está muito cedo para discutir a eleição de 2022”.