O risco de uma nova lesão no pé direito de Neymar é muito provável, segundo aponta Eric Rolland, ex-diretor de serviços médicos do PSG. Envolvido em uma disputa milionária entre Real Madrid e Barcelona, o panorama médico pode pesar na decisão de uma saída do clube parisiense.

– O pé de Neymar é muito magro e o risco de recaída do quinto metatarso é muito provável – assegurou Rolland ao jornal francês ‘Le Parisien’.

PANORAMA
A lesão de Neymar no pé direito o tirou de duas fases importantes da Liga dos Campeões, em 2018 e 2019, e o jogador ficou de fora das oitavas de final nas duas edições. Em ambas, o PSG foi eliminado por Real Madrid e Manchester United, respectivamente.

Foi a mesma lesão que tirou o atacante da Copa América de 2019. O diagnóstico de Rolland chega em um momento delicado. Faltam duas semanas para se encerrar a janela de transferências europeia. A pouco força e a instabilidade do pé de Neymar pode ser um fator importante na decisão dos clubes espanhóis.